Resenha: Sereia Negra


Sereia Negra
Autor: Vinícius Grossos
Editora: Selo Jovem
199 páginas.
Classificação: ☆☆☆

Sinopse: “Um peixe fora d’ água” – foi exatamente assim como Inês se sentiu a vida toda. No seu aniversário de quinze anos, Inês têm todos os seus sentimentos de revolta aflorados de forma aplacável; seu pai a abandonou assim que ela nasceu, sua mãe morreu no parto, ela nunca teve amigos, nem nunca se sentiu atraente o suficiente para os meninos com quem tivera contato. É então que Inês decide que sua vida deve ter uma mudança radical. Mal saberia ela que essa mudança estava mais próxima do que ela imaginava... Numa tempestade repentina e sobrenatural, Inês é tragada pelos mares – tragada pelo seu mundo. Inês é uma sereia. E mais do que isso, ela é uma lenda viva – um ser aguardado por todas as sereias e tritões de Atlanta, um dos vários reinos que existem abaixo do mar sem o conhecimento dos humanos, como a grande salvadora deles. Inês é a Sereia Negra, a única sereia de cor negra de toda a história! Mesclado de fantasia e magia, lendas gregas e brasileiras, somado a um retrato da nossa realidade social, Sereia Negra promete te mostrar uma nova visão não só desses seres fantásticos, mas de questões da vida que vão além da fantasia.

Sereia Negra, livro de estreia do autor Vinícius Grossos, pessoa incrível que tive a oportunidade de conhecer, conta a história de Inês, uma jovem que órfã que mora com o avô em Búzios, no Rio de Janeiro. Desde pequena, a garota sofre diversas formas de preconceito, principalmente por sua cor, por seus cabelos rebeldes e pelo gosto musical peculiar. 
Em seu aniversário de 15 anos, Inês vê-se irritada com o ritmo de sua vida e pelo ódio nutrido pelos pais - a mãe que morreu no parto e o pai que sumiu no mundo. Então, Inês corre para praia na tentativa de livrar-se de seu aquário, maior "lembrança" do passado, primeira tentativa de mudar sua vida. É nesse momento que ocorre a tempestade mais rigorosa que Inês já presenciou e assim, ela é tragada pelos mares, para tomar conhecimento de sua verdadeira identidade.
A realidade é que Inês é uma sereia, mais especificamente a Sereia Negra, a única sereia de cor negra que já existiu. Ela está destinada a ser a salvadora do Reino de Atlanta, um reino mágico do fundo do mar, repleto de tritões e sereias. Atordoada, Inês vê-se rodeada por seres completamente diferentes, que confiam nela suas vidas; tanta responsabilidade une-se ao medo, rancor e mais uma série de preconceitos que a personagem sofre em seu novo mundo.

"A cor da minha alma? Não sei. Deve ser preta e arredia; como sinto que meu interior é. Também, como poderia ser diferente? Nunca tive ninguém para acrescentar um pouco de cor à minha alma." Página 21.

Envolvendo fantasia e trazendo à tona o universo das sereias, que é pouco conhecido, o autor mistura lendas brasileiras com o lúdico, que atrai infinitos leitores. Somos apresentados a personagens incríveis, como Kelsen e Grany, o casal de tritões que recebe total apoio de Inês; temáticas como preconceito racial e homofobia são muito bem retratadas, fator que concede engajamento e originalidade à obra. É uma obra de fantasia, mas capaz de nos levar à reflexão sobre temas tão delicados e importantes.


"(...) Preconceito, seja o tipo que for, é falta de amor próprio da pessoa que a ataca... É falta de amor, de pureza e de Deus. É falta de humanidade. E quanto a isso, você não tem que se preocupar... O mundo se encarregará de lhe ensinar a lição devida. Você só deve esquecer e fingir que não é com você, e entender, e perdoar, que pessoas assim, são assim porque nunca conheceram o amor verdadeiro." Páginas 83-84.

O amadurecimento da protagonista é claro; vemos Inês passar de uma garota revoltada para uma mulher consciente e bondosa. Durante a história embarcamos no romance da Sereia Negra com Patrick, o pescador, uma relação proibida, pois envolve sereias e humanos. É o desenvolvimento das relações que vejo como o maior pecado da obra; o casal principal é pouco desenvolvido, assim como a personalidade de outros personagens importantes.
O confronto principal é totalmente imprevisível e maravilhoso, deixando os leitores sedentos por uma solução. Inês tem mil motivos para mostrar-se vingativa, mas sua bondade é explorada, decidindo o futuro de todos. O final é maravilhoso, explicando o grande motivo de Inês ser apresentada a sua verdadeira forma; a personagem tem seu final feliz, como uma espécie de segunda oportunidade. Uma maravilhosa história de amor, relações familiares, fantasia, folclore e relevantes temas sociais. É um livro com leitura fácil de rápida, tão gostoso que mal percebemos quando já estamos próximos ao fim.

29 comentários:

  1. O livro até parece ser bacana, mas não faz nem um pouco meu estilo literário, rsrs. Por isso não me interessei.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, que pena.
      Obrigada por comentar, beijos!

      Excluir
  2. Tô apaixonada por tudo nesse livro: título, capa, sinopse, suas impressões! Enfim, desejei *-*


    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, que ótimo!
      Obrigada por comentar, beijos!

      Excluir
  3. Resenha ótima , queria muito ler
    Poderia visitar? http://keepcalm-andbehappy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Sobre ler a sinopse e a minha imaginação já fluir automaticamente! Preciso ler esse livro!

    La Diabolique - Fan Page

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz por isso!
      Obrigada por comentar, beijos!

      Excluir
  5. Fico surpresa como você consegue ler tantos livros! Hahaha
    A resenha está ótima e adoraria ler este.
    Beijos,
    Julie | http://www.juliechagas.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São as férias hahaha na rotina, virou uma lesma! rs
      Obrigada, beijos!

      Excluir
  6. Muito legal sua resenha . adorei mesmo . obrigado pela dica vou tentar ler ..
    beijos

    http://loucaapaixonada22.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Apaixonada pela capa! *-----------------------*
    Quero ler! Me chamou a atenção!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é mesmo linda!
      Leia sim.
      Obrigada por comentar, beijos!

      Excluir
  8. Não conhecia o livro, mas gostei da resenha fiquei com vontade de ler haha.
    (Sereia negra ia ser o nome do meu blog kkk)
    http://luludeluxemburgo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ó, que coincidência! hahaha
      Obrigada, beijos!

      Excluir
  9. Adoorei demais, sério! Sereia é vida cara, rsrs. Adorei a resenha e a sinopse.
    beijos!

    http://www.pamlepletier.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada! Sereias são muito fascinantes.
      Beijos!

      Excluir
  10. Não é o tipo de livro que costumo ler mas parece ser bem bacana, fiquei curiosa.
    Beijos

    http://diadespa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem diferente!
      Obrigada por comentar, beijos!

      Excluir
  11. A resenha ficou MUITO boa!!
    Eu ainda não conhecia esse livro.

    Beijo!
    Fofuramentos
    @bfofuramentos (twitter)

    ResponderExcluir
  12. Parece ser muito bom!!!
    Beijos,
    Bruna ♥
    www.borboletarosavaidosa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom então!
      Obrigada por comentar, beijos!

      Excluir
  13. Olá!

    Não curto muito esse estilo, mas sua resenha me deixou curiosa :)

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que despertou curiosidade! <3
      Obrigada por comentar, beijos!

      Excluir
  14. Ótima resenha, me interessei pela história. ♥

    Visite-nos! Beijos. <3

    ResponderExcluir
  15. Eu quero muito ler esse livro. Essa capa é simplesmente maravilhosa! Estou apaixonada por ela desde que a vi. Quero muito poder conhecer essa história logo. Beijos!

    http://frases-perdidas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir